Postagens populares

Outubro Rosa: se toca!

19/10/2017

Mais uma vez, temos um mês dedicado à conscientização de uma doença muito séria. Mês passado, tivemos o suicídio como tema chave, dessa vez, o câncer de mama.

A campanha Outubro Rosa nasceu em Nova York em 1991, com a corrida pela cura do câncer de mama. Aos poucos, começou a ocupar mais espaço pelos Estados Unidos até alcançar o mundo inteiro. O nome remete ao laço que foi distribuído na corrida que era da cor rosa.

Esse é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no Brasil e no mundo, segundo o INCA (Instituto Nacional de Câncer), depois do de pele. Ele é relativamente raro antes dos 35 anos, e sua incidência cresce progressivamente, especialmente após os 50 anos. E não podemos esquecer que a doença também atinge os homens, apesar de ser raro.

Prevenção

A melhor é fazendo exames, como a mamografia. Recomenda-se pelo menos uma vez ao ano, mas só o seu médico poderá te dizer quantas vezes você terá que fazer, pois pode ser necessário mais vezes. 

O ideal é identificar o tumor quando ele ainda não é palpável pois aumenta a chance de cura e o tratamento é menos agressivo, podendo até não ser necessário retirar a mama ou fazer quimioterapia. 

É muito importante que as mulheres estejam atentas ao seu corpo, por isso, também é possível fazer um autoexame em casa. Caso seja encontrado algo, é necessário a procura de um médico para a confirmação e a inicialização do tratamento. Abaixo, você pode ver como fazer.

Imagem Autoexame do Câncer de Mama
Clique na imagem para vê-la maior
Agora, é a sua vez de ajudar outras mulheres. Fale com as mulheres que você conhece e compartilhe o post com elas. É importante conscientizamos todas.

Nenhum comentário

Postar um comentário

 
Layout desenvolvido por Michelly Melo e modificado por Jessica Bottari. Todos os textos são autorais, com exceção dos identificados.